Sites brasileiros que combatem notícias falsas

Lista atualizada em 02/05/2019

Há algum tempo vem sendo discutida a relevância as notícias falsas (fake news) e o quão nociva elas podem ser para a sociedade. A partir daí alguns veículos preocupados com impacto decorrentes da disseminação de conteúdo enganoso surgiram para ajudar as pessoas a identificarem mentiras, oferecem reportagens com checagem de fatos (fact-checking) para combater inverdades.

Nesta lista você verá os sites brasileiros que ajudam a combater notícias falsas. Confira!

Truco (Agência Pública)

 
O Truco é o projeto de checagem (fact-checking) da Agência Pública. São verificacadas falas de políticos e personalidades e informações em circulação na rede para saber se são verdadeiras, sem contexto, contraditórias, discutíveis, exageradas, distorcidas, impossíveis de provar ou falsas. Nosso objetivo é aprimorar o discurso público e a democracia, tornando as autoridades mais responsáveis por suas declarações.

Aos Fatos

 
O projeto aos fatos se coloca em busca da verdade e checa o que há de mais controverso no mundo da política.

Agência Lupa (Piauí)

 
A Truco é a primeira agência de notícias do Brasil a checar, de forma sistemática e contínua, o grau de veracidade das informações que circulam pelo país, contribuindo assim para aprimorar o debate público.

É ou Não É? (Globo)

 
O G1 dá início tem uma seção de ‘fact-checking’ (checagem de fatos) chamada de ‘É ou não é?’, onde são analisadas falas de políticos e outras personalidades públicas. Há também uma checagem sistemática de notícias e informações espalhadas pelas redes sociais e sites. Textos com dicas e entrevistas com especialistas também serão veiculados.

E-Farsas

 
O E-Farsas foi criado em 2002 por Gilmar Lopes com a intenção de usar a própria internet para desmistificar as histórias que nela circulam e atualmente é referência nisto.

Boatos.org

 
O Boatos.org é um espaço que foi criado justamente para compilar mentiras disseminadas na internet prestando um serviço para o usuário da internet, informando-o bem. É feito por Edgard Matsuki, Hellen Bizerra e Carol Lira.

Sabe de mais algum site que combate mentiras na internet? Fala pra gente nos comentários!

Sites para divulgação de blogs

Lista atualizada em 02/05/2019

Você tem um blog e precisa divulgá-lo para ganhar visibilidade, aumentar seu tráfego e o número de seguidores nas redes sociais? Há vários lugares na web que podem ajudá-lo a atingir estes objetivos.

Abaixo separamos uma lista de diversos sites para ajudar a promover seu blog, eles vão desde agregadores de conteúdo até diretórios de blogs. Confira!

Blogs Brasil

 
O Blogs Brasil funciona como uma plataforma web cujo objetivo é ser uma listagem íntegra da blogosfera brasileira organizada por categorias e popularidade, onde os utilizadores cadastram seus blogs de forma gratuita obtendo, dessa forma, maior visibilidade na internet. O Diretório Blogs Brasil pretende ser a mais completa lista de blogs brasileiros.

Taboola

 
Taboola é uma plataforma de descoberta de conteúdo que dá aos editores a opção de exibir recomendações de conteúdo de três maneiras – com widgets de descoberta de conteúdo, publicidade nativa ou híbrida, exibindo artigos, vídeos, apresentações e outros conteúdos, tanto a partir do site como de outros anunciantes e editores.

Outbrain

 
Assim como o Taboola, o Outbrain é uma plataforma de recomendação de conteúdo.

CBBlogers

 
CBBlogers é uma comunidade de blogs brasileiros – e também agência de marketing digital, criação de projetos, assessoria de blogs – com mais de 8 mil membros.

Uêba

 
Uêba é um agregador social de conteúdo, ou melhor dizendo, um agregador de links de diversos sites. Nele você pode enviar gratuitamente links do seu blog para divulgação, basta ser cadastrado.

Ocioso

 
Ocioso é um agregador de links de diversos blogs. Para poder enviar links do seu blog é preciso fazer uma assinatura.

À Toa na Net

 
Assim como o site anterior o Àtoa na Net é um agregador de conteúdo onde é preciso colocar um widget para poder enviar links do seu blog.

Fake True

 
Fake True é um agregador de links com 17 anos de existência.

Fudas

 
O Agregador de Links Fudas conta com um vasto conteúdo de curiosidades, humor, jogos, filmes tv, séries e muito mais. Basta ter um cadastro para poder enviar links.

Gera Links

 
GeraLinks é um dos maiores agregadores de conteúdo do Brasil.

Eu Te Salvo

 
Eu Te Salvo é um agregador de conteúdo criado por Eduardo de Castro.

Madruga Links

 
Madruga Links é um agregador de links brasileiro.

Link Irado

 
Link Irado é um agregador de conteúdo.

LinkLog

 
Portal Linklog é um dos pioneiros a utilizar o sistema agregador de links.

Loucuras da Net

 
Loucuras da Net é um agregador de links com conteúdo diverso.

Clic+

 
Clic+ é um agregador de links colaborativo.

Aglomeranews

AglomeraNews é um agregador de links brasileiro.

Unidos na Web

Unidos na Web é um agregador de links brasileiro.

Acrescentando

 
Acrescentando é um agregador de links brasileiro.

Colméia

 
Colméia é um agregador de links. Está sem receber links.

Reddit Brasil

 
Reddit é um site onde os usuários podem divulgar links da web. Outros usuários podem então votar positivamente ou negativamente nos links divulgados, fazendo com que apareçam de uma forma mais ou menos destacada na sua página inicial.

StumbleUpon

 
StumbleUpon é um serviço de social bookmarks que serve para descobrir páginas web, fotos e vídeos novos e interessantes na web. Os sites são aleatórios e vão se adequando de acordo com a classificação das pessoas. Você pode submeter conteúdo nesta página.

Veja Blog

 
VejaBlog é um diretório de blogs em português.

Bloglovin’

 
Bloglovin’é uma rede social de blogs onde você pode seguir diversos blogs e descobrir muitos outros, além de poder exibir seu blog para os outros. É primordialmente em inglês.

Alltop

 
Alltop é um agregador de notícias internacionais.

Blog Engage

 
Blog Engage é um diretório de blogs internacional.

Pick a Blogger

 
Pick a Blogger é um diretório internacionalde blogs, vloggers e marcas.

On Top List

 
On Top List é um diretório internacional de blogs e sites.

Blogarama

 
Blogarama é um diretório internacional de blogs e sites.

Sabe de mais algum site para divulgar e promover blogs? Diz aí nos comentários!

Sites para ajudar quem está de luto

Lista atualizada em 02/05/2019

A morte é um fenômeno comum. Mas a preciosidade da vida nos faz ter um intenso apego a existência, por conta disto ao presenciarmos uma perda podemos cair numa profunda dor e tristeza. Precisamos então ressignificar a existência a partir de um acontecimento como este, mas esta não é esta uma tarefa fácil. Se você já perdeu alguém importante ou conhece alguém que sofreu uma perda confira os sites que estão nesta lista, eles podem ajudar a superar este momento delicado.

Vamos falar sobre o luto?

 
Esse projeto é um convite para quebrar o tabu. Um canal de inspiração e de informação para quem vive o luto e para quem deseja ajudar. Ele é realizado de forma voluntária, por pessoas que viveram o luto, e não envolve atendimento presencial ou digital. O que fazemos é oferecer conteúdo, ferramentas, caminhos, um pouco de luz e outro tanto de amor.

Perdas e Luto

 
Discussões acerca do Morrer, do Luto e das Perdas. Neste blog você encontrará publicações, artigos e entrevistas sobre Luto e Perdas. Assim como, informações sobre as áreas de atuação e especialização do autor.

Laços e Lutos

 
Psicóloga especialista em luto, Teresa Vera de Sousa, traz neste blog histórias de luto, conversas sobre dores, separações, lutos e ressignificações, para ajudar a superar a dor.

Sobre Viver

 
Este blog reúne diversos textos de apoio ao luto e pretende ensinar como renascer após perdas irreparáveis.

Maternidade Interrompida

 
Neste blog você encontrará textos com o objetivo de promover apoio as mães, pais e familiares que estão vivenciando a perda e o luto gestacional.

Grupo Casulo

 
Casulo – Associação Brasileira de Apoio ao Luto – é uma organização da sociedade civil, laica e sem fins lucrativos, criada para apoiar pessoas enlutadas. Neste blog você irá encontrar diversos textos para reconfortar a alma.

Silêncio da Luz

 
Silêncio da Luz foi criado em memória da filha dos autores, Luiza, que era um bebê natimorto. O projeto veio para apoiar quem está passando por uma situação semelhante, de luto por conta de morte neonatal.

Luto Pela Vida

 
O Projeto Luto pela Vida, vem através da terapia de luto individual ou em grupo proporcionar um espaço para elaboração de perdas. Embora o nome seja de fato alusão a palavra luto que vem do latim, lutum que significa: tristeza, lástima, dor. A proposta do “Luto pela Vida”, é pensar também no poder deste verbo, pois é lutando que transformamos a vivência do luto em elaboração e volta à melhor qualidade de vida, apesar das perdas.

4 Estações

 
4 Estações é um Instituto de Psicologia que faz um importante trabalho de prevenção, educação e tratamento em situações de perdas, luto e outros momentos de transformações da vida. No site você encontrará notícias, cursos e publicações diversas sobre o tema.

Temos que falar sobre isso

 
Temos que falar sobre isso é uma ONG e plataforma de relatos anônimos para dar voz a mulheres e mães que passaram pelas mais diversas situações: depressão pós-parto, transtornos ligados à saúde mental na maternidade e no período perinatal (desde a concepção até o primeiro ano do bebê), dificuldades durante a gravidez, sofrimento psíquico intenso, violência e abuso, desigualdade de gênero, problemas com amamentação, perda gestacional e neonatal, partos traumáticos, prematuridade extrema, gravidez de alto risco, processo de adoção, violência obstétrica e pediátrica, luto, entre outros.

Sabe de mais algum site ou blog que produz ou coleta material para ajudar quem está de luto? Diga nos comentários para agregarmos a lista.

Boas plataformas para construir websites

Lista atualizada em 02/05/2019

Você precisa de um website simples mas com uma aparência profissional para passar credibilidade para sua empresa? Quer lançar um produto com um site belo e funcional? Quer construir um blog maneiro? Quer fazer um portifólio para se destacar no mercado profissional? Ou quem sabe construir uma loja online? Há diversos sites que podem te ajudar nisto! E fizemos uma lista deles.

Alguns dos sites que selecionamos permitem apenas a personalização mínima e podem funcionar apenas com alguns designs de página web, já outros permitem agregar aplicativos com diversas funções e customizar bastante seu website, no entanto todas são ferramentas relativamente fáceis de usar para construir um site.

Confira abaixo plataformas que permitem a criação e  gerenciamento de conteúdo simples e flexível.

obs.: algumas destas plataformas estão disponíveis em português

Adobe Portfolio

 
Construa seu próprio portfólio personalizado. Não é gratuito.

BaseKit

 
Construtor de sites para pequenos empreendimentos.

Bookmark

 
Comece seu website com o construtor de sites Bookmark.

Designmodo Generator

 
Uma forma fácil de criar uma página web para sua startup.

Duda

 
Construtor de website para profissionais web.

Voog (antigo Edicy)

 
Uma ferramenta poderosa, porém simples de usar para criar e gerenciar sites multilíngues.

Emyspot

 
Faça um website gratuito com esta ferramenta de construção de sites de fácil uso.

Envato Sites

 
Websites simples por apenas 8 dólares por mês.

Format

 
Format é um construtor de portifólios para criativos com a possibilidade de loja. Não é gratuito.

Imcreator

 
IM é um site-construtor responsivo e amigável. E-commerce e blogs incluídos.

Invision

 
A plataforma líder mundial de prototipagem, colaboração e fluxo de trabalho.

Jimdo

 
Crie um website gratuito. Escolha um template, suba fotos, edite o texto e pronto!

Marvel App

 
Site gratuito de construção colaborativa e prototipagem para web e mobile.

Massive Dynamic

 
Construtor de temas wordpress multi-layouts.

Mobsyte

 
Pague 19 dólares por mês, preencha as informações básicas e seu site fica no ar em 24 horas na internet com o seu domínio.

Moonfruit

Apenas escolha um modelo e modele-o!

MotoCMS

 
Ferramenta online para que todos. Inicie e promova o seu negócio, sem habilidades de codificação ou de design.

Pixpa

 
Portfólios para criativos. Apresente, compartilhe, prova e entregue seu trabalho com estilo e simplicidade. Nenhuma codificação necessária.

Silex

 
Desenhe gratuitamente websites com Silex.

Simbla

 
Construtor de websites segure e arraste responsivo.

Simvoly

 
Faça sites deslumbrantes, lojas online, blogs e muito mais. Teste grátis.

Site 123

 
De longe o construtor de website gratuito mais fácil.

SnapPages

O construtor de sites de arrastar e soltar que você estava esperando.

Squarespace

Há alguns modelos premiados que são a maneira mais bonita de apresentar suas idéias on-line. Destaque-se com um site profissional, portfólio, ou loja online.

Strikingly

 
Crie um site bonito para você e sua empresa em minutos com zero de código ou de habilidades de design.

Theme Works

 
Construa seu próprio tema do WordPress.

Themefy Builder

 
Construtor segure e arraste para temas wordpress.

uCoz

 
Construtor de sites gratuito. Faça seu site você mesmo!

uKit

 
Construtor de sites para empresas.

UxPin

 
Projeto de UX Colaborativo para Equipes de Produto. Prototipagem, especificações geradas automaticamente, documentação de projeto e muito mais.

Viewbook

Crie um portifólio fotográfico clean.

Webflow

 
Crie sites dinâmicos e responsivos sem escrever códigos. Inicie com um clique e desfrute da hospedagem mais rápida e confiável na web.

Webnode

 
Crie seu próprio site grátis! Você pode criar um site maravilhoso com a Webnode em poucos minutos.

Webs

 
Melhores sites feitos de forma simples. Crie um site com um molde projetado profissionalmente e um construtor fácil de usar.

Webydo

 
Crie sites perfect-pixel, responsivos e sem ter que saber código para seus clientes.

Weebly

 
Websites, e-Commerce e Marketing em um só lugar. Para que você possa focar no que gosta de fazer.

Wix

 
Wix combina beleza e alta tecnologia para você criar o seu próprio site incrível.

Yola

Crie um site profissional e gratuito em minutos. Lidere, venda produtos e cresça o seu negócio online.

WordPress.com

 
Crie um site inesquecível Empresas, profissionais e blogueiros criam belos sites com a plataforma do WordPress.com.

SITES COM CUNHO CIENTÍFICO PARA PESSOAS DE “HUMANAS”

Vemos na internet muitas pessoas dando opinião sobre diversos assuntos, é lindo, a liberdade de expressão em ação, mas convenhamos, muitas vezes elas não sabem o que estão falando, é possível ver elas defendendo ideias que não sabem nem explicar, são deduções pois não estão embasadas, melhor dizendo, achismos.

Se uma pessoa quer ter uma visão menos superficial das coisas ela precisará da ciência, assim poderá embasar seus argumentos, assim poderá mostrar que o que ela diz de fato existe. Ela poderá seguir a carreira científica para demonstrar suas teses, ou mesmo pesquisar o conteúdo já existente. Para facilitar este processo reunimos neste post algumas revistas nacionais de artigos científicos (papers) das maiores universidades públicas do Brasil, para a galera de “humanas”. Segue a lista por área do conhecimento:

CIÊNCIAS HUMANAS

  • Antropologia / Sociologia

Cadernos de Campo – http://www.revistas.usp.br/cadernosdecampo

Cadernos de Gênero e Diversidade – www.portalseer.ufba.br/index.php/cadernosbegd

Cadernos Pagu – http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/list.php?tid=563

Cadernos PROLAM – http://www.revistas.usp.br/prolam

Counjuntura Austral: Relações Internacionais – http://seer.ufrgs.br/index.php/ConjunturaAustral

Debates do NER – http://www.seer.ufrgs.br/index.php/debatesdoner

Em Tese – https://periodicos.ufsc.br/index.php/emtese

Estudos Avançados – http://www.iea.usp.br/revista/

Estudos Feministas – https://periodicos.ufsc.br/index.php/ref

Horizontes Antropológicos – http://www.ufrgs.br/ppgas/ha/index.html

Ilha: Revista de Antropologia – https://periodicos.ufsc.br/index.php/ilha

Opinião Pública – http://www.cesop.unicamp.br/site/htm/revistas.php

Plural – http://www.revistas.usp.br/plural

Política & Sociedade – https://periodicos.ufsc.br/index.php/politica

Primeiros Estudos – http://www.revistas.usp.br/primeirosestudos

Revista de Antropologia – http://www.revistas.usp.br/ra

Revista Debates – http://seer.ufrgs.br/revistadebates/

Revista Periódicus – www.portalseer.ufba.br/index.php/revistaperiodicus

Revista Sociologias – http://www.seer.ufrgs.br/index.php/sociologias

Tempo Social – http://www.revistas.usp.br/ts

  • Filosofia

Anais de Filosofia Clássica – https://revistas.ufrj.br/index.php/FilosofiaClassica

Analytica: Revista de Filosofia – https://revistas.ufrj.br/index.php/analytica

Cadernos de Ética e Filosofia Política – http://www.revistas.usp.br/cefp

Cadernos de Filosofia Alemã – http://www.revistas.usp.br/filosofiaalema

CLE e-Prints – Centro de Lógica, Epistemologia e História da Ciência – http://www.cle.unicamp.br/e-prints/

Ethic@ – An international Journal for Moral Philosophy – https://periodicos.ufsc.br/index.php/ethic

Ítaca – https://revistas.ufrj.br/index.php/Itaca

Discurso – http://www.revistas.usp.br/discurso

Principia: An International Journal of Epistemology – https://periodicos.ufsc.br/index.php/principia

Redescrições – https://revistas.ufrj.br/index.php/Redescricoes

Revista de Filosofia Antiga – http://www.revistas.usp.br/filosofiaantiga

Phil Brasil (Portal de Indexação) – http://philbrasil.com.br/

Phil Papers (Portal de Indexação) – http://philpapers.org/

  • História

AEDOS – http://seer.ufrgs.br/index.php/aedos

Epígrafe – http://www.revistas.usp.br/epigrafe

Esboços – https://periodicos.ufsc.br/index.php/esbocos

Intelligere: Revista de História Intelectual – http://www.revistas.usp.br/revistaintelligere

Recorde: Revista de História do Esporte – https://revistas.ufrj.br/index.php/Recorde

Revista Angelus Novus – http://www.revistas.usp.br/ran

Revista de História – http://www.revistas.usp.br/revhistoria

Revista de História Comparada – https://revistas.ufrj.br/index.php/RevistaHistoriaComparada

CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS

  • Direito

Cadernos de Ética e Filosofia Política – http://www.revistas.usp.br/cefp

Cadernos do Programa de Pós-Graduação em Direito – http://seer.ufrgs.br/index.php/ppgdir

Revista Brasileira de Direito Animal – http://www.portalseer.ufba.br/index.php/RBDA

Revista da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo – http://www.revistas.usp.br/rfdusp

Revista da Faculdade de Direito de São Paulo – http://www.revistas.usp.br/rfdsp

Revista Jurídica – https://revistas.ufrj.br/index.php/rjur

Revista Jurídica da Presidência – https://revistajuridica.presidencia.gov.br/

Seqüência: Estudos Jurídicos e Políticos – https://periodicos.ufsc.br/index.php/sequencia

  • Divulgação Científica

Alexandria: Revista de Educação em Ciência e Tecnologia – https://periodicos.ufsc.br/index.php/alexandria

Ensaio: Pesquisa em Educação em Ciências – http://www.portal.fae.ufmg.br/seer/index.php/ensaio

Revista Ciência e Cultura – http://www.sbpcnet.org.br/site/publicacoes/anais-resumos.php

Com Ciência – http://www.comciencia.br/

  • Economia

Análise Economica – http://seer.ufrgs.br/AnaliseEconomica

Economia Aplicada – http://www.revistas.usp.br/ecoa

Estudos Econômicos – http://www.revistas.usp.br/ee

Nexos Economicos – http://www.portalseer.ufba.br/index.php/revnexeco

Nova Economia – http://revistas.face.ufmg.br/index.php/novaeconomia/

Textos de Economia – https://periodicos.ufsc.br/index.php/economia

  • Jornalismo

Comciencia – http://www.comciencia.br/comciencia/

Estudos em Jornalismo e Mídia – https://periodicos.ufsc.br/index.php/jornalismo

LINGUÍSTICA, LETRAS E ARTES

  • Artes

Ars – http://www.revistas.usp.br/ars

Celeuma – http://www.revistas.usp.br/celeuma

  • Literatura

Anuário de Literatura – https://periodicos.ufsc.br/index.php/literatura

Boletim de Pesquisa NELIC – https://periodicos.ufsc.br/index.php/nelic

Cadernos de Literatura em Tradução – http://www.revistas.usp.br/clt

Cadernos do IL – http://seer.ufrgs.br/cadernosdoil/index

Literartes – http://www.revistas.usp.br/literartes

Outra Travessia – https://periodicos.ufsc.br/index.php/Outra

Revista Criação & Crítica – http://www.revistas.usp.br/criacaoecritica

Revista Crioula – http://www.revistas.usp.br/crioula

Revista Desassossego – http://www.revistas.usp.br/desassossego

Revista de Economia Políticahttp://www.rep.org.br/

Revista Fragmentos: Revista de Língua e Literatura Estrangeiras – https://periodicos.ufsc.br/index.php/fragmentos

Travessia – https://periodicos.ufsc.br/index.php/travessia

Teresa: Revista de Literatura Brasileira – http://www.revistas.usp.br/teresa

  • Linguística

Anais do SETA – http://revistas.iel.unicamp.br/index.php/seta/

Cadernos de Estudos Linguísticos – http://revistas.iel.unicamp.br/index.php/cel/

Estudos Linguísticos e Literários – http://www.portalseer.ufba.br/index.php/estudos

Estudos Semióticos – http://www.revistas.usp.br/esse

Fórum Linguístico – https://periodicos.ufsc.br/index.php/forum

Filologia e Linguística Portuguesa – http://www.revistas.usp.br/flp

Nau Literária – http://seer.ufrgs.br/NauLiteraria

Tradterm – http://www.revistas.usp.br/tradterm

DIVERSOS TEMAS

Pesquisa FAPESP – http://revistapesquisa.fapesp.br/

Revista Contexto & Educação – https://www.revistas.unijui.edu.br/


Sabe mais revistas para nos indicar? Contribua deixando nos comentários.

Os maiores empreendedores da tecnologia

Grandes revoluções são feitas ao quebrarmos o convencionalismo, trazendo inovação e novas visões e utilidades. Muitas vezes isso é feito por equipes mas como nem tudo é justo alguns nomes levam o nome por muito trabalho e por ter acreditado ou investido em uma ideia. Abaixo a lista dos grandes revolucionários dos últimos tempos:

William Henry Gates III (Seattle, 28 de outubro de 1955) mais conhecido como Bill Gates, é um magnata, filantropo e autor norte-americano, que ficou conhecido por fundar junto com Paul Allen a Microsoft, a maior e mais conhecida empresa de software do mundo em termos de valor de mercado. Gates ocupa atualmente o cargo de presidente não-executivo da Microsoft, além de ser classificado regularmente como a pessoa mais rica do mundo, posição ocupada por ele de 1995 a 2007, 2009, e em 2013. É um dos pioneiros na revolução do computador pessoal.[1]

Paul Gardner Allen (Seattle, 21 de Janeiro de 1953) é um empresário e filantropo americano. Em parceria com Bill Gates, foi fundador da Microsoft, a maior e mais conhecida empresa de software do mundo. Em Janeiro de 2015, ele foi considerado a 48° pessoa mais rica do mundo, com uma fortuna estimada em US$18,1 bilhões. Allen é fundador e presidente da Vulcan Inc., que administra seus vários negócios e projetos filantrópicos. Allen também tem um portfólio multibilionário de investimentos, incluindo empresas de tecnologia, imobiliárias e participações em outras empresas de mídia e tecnologia. Ele comprou duas equipes profissionais de esportes, a Seattle Seahawks da National Football League (NFL) e o Portland Trail Blazers da National Basketball Association (NBA), e é coproprietário do Seattle Sounders FC, que entrou na Major League Soccer (MLS) em 2009. Ele também é fundador do Allen Institute for Brain Science, do Allen Institute for Artificial Intelligence, do Allen Institute for Cell Science e do Stratolaunch Systems.[2]

Steven Paul Jobs (São Francisco, Califórnia, 24 de fevereiro de 1955 — Palo Alto, Califórnia, 5 de outubro de 2011) foi um inventor, empresário e magnata americano no setor da informática. Notabilizou-se como co-fundador, presidente e diretor executivo da Apple Inc. e por revolucionar seis indústrias: computadores pessoais, filmes de animação, música, telefones, tablets e publicações digitais. Além de sua ligação com a Apple, foi diretor executivo da empresa de animação por computação gráfica Pixar e acionista individual máximo da The Walt Disney Company. Morreu em 5 de outubro de 2011, aos 56 anos de idade, devido a um câncer pancreático.[3]

Stephen Gary Wozniak, mais conhecido como Steve Wozniak (São José, 11 de agosto de 1950), é um engenheiro eletricista e programador de computadores, co-fundador da Apple, Inc., junto com Steve Jobs. Foi pioneiro na iniciativa de colocar computadores disponíveis para o consumidor comum. A engenhosidade de Stephen Wozniak, sua persistência e criatividade permitiu-lhe iniciar a revolução do computador pessoal.[4]

Lawrence Edward Page, mais conhecido como Larry, (Lansing, 26 de março de 1973), é o atual CEO da Alphabet Inc. Após a consolidação do Google como empresa, Larry Page foi nomeado como o primeiro diretor executivo. Em 2011 era considerado uma das 100 pessoas mais influentes do mundo pela revista Time. Deixou o cargo de CEO do Google em 10 de agosto de 2015. A Alphabet Inc. é uma holding e um conglomerado que possui diretamente várias empresas que foram pertencentes ou vinculadas ao Google, incluindo o próprio Google.[5]

Sergey Mihailovich Brin, mais conhecido como Sergey Brin, (Moscou, 21 de agosto de 1973) é presidente da Alphabet Inc, co-fundador e ex-presidente do Google, o site de busca mais popular da internet. Filho de pais judeus, Sergey Brin emigrou em 1979 para os Estados Unidos juntamente com a família, fugindo ao anti-semitismo da União Soviética. Seu pai, Mihail Brin, começou a trabalhar na Universidade de Maryland, no College Park, onde continua até hoje e sua mãe, Eugenia Brin, trabalha como especialista na NASA. Sergey formou-se em Matemática e Ciências da Computação com honras pela Universidade de Maryland.[6]

Jimmy Donal Wales, ou simplesmente Jimmy Wales, também apelidado de Jimbo Wales, (Huntsville, 7 de agosto de 1966) é um empresário americano da Internet, mais conhecido pelo público como cofundador, em 2001, do projeto livre Wikipédia. Atualmente, ele é membro do conselho de administradores da Fundação Wikimedia e é um dos fundadores da Wikia, uma propriedade privada de serviço livre de hospedagem de sites criado em 2004.[7]

Lawrence Mark “Larry” Sanger (Bellevue, Washington, 16 de julho de 1968) é co-fundador, junto com Jimmy Wales, do projeto livre Wikipédia, em 2001. É um filósofo, com doutorado em filosofia pela Ohio State University. Sanger foi criado em Anchorage, no Alasca, nos Estados Unidos. Em março de 2000 foi contratado pela empresa de Wales, a Bomis, como editor-chefe da Nupedia, um projecto para criar uma enciclopédia livre. Como respostas à frustração do progresso lento da Nupedia, em Janeiro de 2001 Sanger propôs a criação de uma wiki para melhorar o desenvolvimento de artigos, dando origem à Wikipédia. Sanger supervisionou o projecto da Wikipédia, deu-lhe o nome e formulou muita de sua política original. Em 2002, deixou a Wikipédia e tornou-se um crítico da mesma, especialmente por acreditar na pouca confiabilidade das informações por ela veiculadas.[8]

Julian Paul Assange (Townsville, 3 de julho de 1971) é um jornalista, escritor e ciberativista australiano. É um dos nove membros do conselho consultivo do WikiLeaks, um wiki de denúncias e vazamento de informações. É também o principal porta-voz do website.[9]

Linus Benedict Torvalds (Helsínquia, 28 de dezembro de 1969) é o criador do Linux, núcleo (kernel) do sistema operacional (SO) GNU/Linux.[10]

Richard Matthew Stallman, ou simplesmente “rms” (Manhattan, 16 de março de 1953) é um ativista, fundador do movimento software livre, do projeto GNU, e da FSF. Um aclamado programador e Hacker, seus maiores feitos incluem Emacs (e o GNU Emacs, mais tarde), o GNU Compiler Collection e o GNU Debugger. É também autor da GNU General Public License (GNU GPL ou GPL), a licença livre mais usada no mundo, que consolidou o conceito de copyleft. Desde a metade dos anos 1990, Stallman tem dedicado a maior parte de seu tempo ao ativismo político, defendendo software livre e lutando contra a patente de softwares e a expansão da lei de copyright.[11]

Timothy John Berners-Lee KBE, OM, FRS (TimBL ou TBL) (Londres, 8 de junho de 1955) é um físico britânico, cientista da computação e professor do MIT. É o criador da World Wide Web, tendo feito a primeira proposta para sua criação a 25 de março de 1989. Em 25 de dezembro de 1990, com a ajuda de Robert Cailliau e um jovem estudante do CERN, implementou a primeira comunicação bem-sucedida entre um cliente HTTP e o servidor através da internet. Berners-Lee é o diretor do World Wide Web Consortium (W3C), que supervisiona o desenvolvimento continuado da web. Em abril de 2009, foi eleito como membro da Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos, sediada em Washington, D.C.[12]

Jack Dorsey (St. Louis, janeiro de 1976) é um empresário e desenvolvedor de software norte-americano. Ele é um dos criadores do sistema de Microblogging conhecido como Twitter. É cofundador e CEO da Square INC, uma empresa de pagamentos pelo celular. Seu patrimônio foi avaliado pela revista Forbes de setembro de 2015 em US$2.2 bilhões.[13]

Mark Elliot Zuckerberg (White Plains, 14 de maio de 1984) é um programador e empresário norte-americano, que ficou conhecido internacionalmente por ser um dos fundadores do Facebook, a maior rede social do mundo. Em março de 2011, a revista Forbes colocou Zuckerberg na 36ª posição da lista das pessoas mais ricas do mundo, com uma fortuna estimada em 17.5 bilhões de dólares. Em junho de 2015, sua fortuna já estava avaliada em 38.4 bilhões de dólares, em 2016 seu patrimônio líquido foi estimado em 51,8 bilhões de dólares. Junto com seus colegas da faculdade da Universidade de Harvard os estudantes Eduardo Saverin, Andrew McCollum, Dustin Moskovitz e Chris Hughes, lançou o Facebook em 2004.[14]

Outros empreendedores de sucesso na área da tecnologia:


Referências:

[1] https://pt.wikipedia.org/wiki/Bill_Gates
[2] https://pt.wikipedia.org/wiki/Paul_Allen
[3] https://pt.wikipedia.org/wiki/Steve_Jobs
[4] https://pt.wikipedia.org/wiki/Steve_Wozniak
[5] https://pt.wikipedia.org/wiki/Larry_Page
[6] https://pt.wikipedia.org/wiki/Sergey_Brin
[7] https://pt.wikipedia.org/wiki/Jimmy_Wales
[8] https://pt.wikipedia.org/wiki/Larry_Sanger
[9] https://pt.wikipedia.org/wiki/Julian_Assange
[10] https://pt.wikipedia.org/wiki/Linus_Torvalds
[11] https://pt.wikipedia.org/wiki/Richard_Matthew_Stallman 
[12] https://pt.wikipedia.org/wiki/Tim_Berners-Lee
[13] https://pt.wikipedia.org/wiki/Jack_Dorsey
[14] https://pt.wikipedia.org/wiki/Mark_Zuckerberg