Famosos que foram presos e/ou condenados por crimes sexuais

Várias famosos do mundo da música, do cinema ou dos negócios, já foram acusados de crimes sexuais, ou seja, quando o abusador força a vítima a manter relações sexuais por sua condição de inferioridade “física ou psíquica”, como o assédio sexual, agressão sexual e/ou estupro. Alguns tiveram alegações descartadas pelas autoridades, já outros foram considerados culpados por abuso sexual, ou seja, por atitudes sexuais onde falta o consentimento das vítimas. Nesta lista você verá algumas celebridades que foram presas e/ou condenadas por agressão sexual ou estupro.

Aviso: há diversos crimes de violência sexual relatados abaixo

Lista atualizada dia 16/02/2022

Robinho (jogador de futebol)

Robson de Souza, conhecido como Robinho, é um jogador de futebol brasileiro de grande destaque. Atuou por grandes clubes como o Real Madrid, Manchester City, Milan e pelos brasileiros Atlético Mineiro e Santos, este por qual foi revelado. Robinho também foi um grande atacante da seleção brasileira, disputando 100 jogos e participando de duas Copas do Mundo.

Em janeiro de 2009, grandes jornais britânicos publicaram uma denúncia de agressão sexual contra Robinho, que teria ocorrido em um clube noturno de Leeds. Em abril daquele ano, a polícia local decidiu não dar continuidade ao caso e o jogador ficou livre dessa acusação. Já em outubro de 2014, um jornal italiano divulgou reportagem de uma investigação da Justiça da Itália sobre um caso de estupro coletivo envolvendo Robinho cometido em uma boate de Milão em 2013. A informação inicial era de que a denunciante seria uma jovem de 18 anos de origem brasileira, mas na verdade se tratava de uma mulher albanesa. O crime teria acontecido em conjunto com outros homens. Robinho acabou sendo condenado, em 2017, em primeira instância a nove anos de prisão, o julgamento em segunda instância foi mantida a pena e em terceira, e última instância, ocorrida em 2022, também foi confirmada a pena. A justiça obteve provas ao gravar ligações do jogador e de seus amigos confirmando que Robinho transou com a mulher completamente bêbada. Seu amigo, Ricardo Falco, também foi condenado a nove anos de prisão por violência sexual de grupo. Robinho portanto é um estuprador confirmado pela justiça italiana.

João de Deus (líder religioso)

João Teixeira de Faria, conhecido no Brasil como João de Deus, é um suposto médium curandeiro, empresário e escritor religioso. Com diversas aparições em programas televisivos no Brasil desde a década de 2000 ele ficou bastante famoso. João de Deus, também ganhou destaque internacional após ser apresentado no programa da Oprah Winfrey.

As denúncias contra João de Deus vieram à tona no em dezembro de 2018, quando mulheres deram entrevistas ao programa Conversa com Bial, da TV Globo. Elas denunciaram que foram abusadas sexualmente por ele durante atendimentos espirituais na cidade de Abadiânia. Após a repercussão, a justiça do estado de Goiás criou uma força-tarefa para investigar as denúncias. Mais de 300 denúncias de crimes sexuais contra João surgiram. João de Deus foi preso no mesmo mês. Desde então, foi condenado pro crimes diversos, tendo entre eles crimes sexuais contra 14 mulheres. Outros 11 processos que envolvem 56 mulheres ainda estão em análise na Justiça e correm em segredo e aguardam julgamento. As penas de suas condenações por crimes sexuais e estupro já somam mais de 100 anos de prisão.

Mike Tyson (lutador de boxe)

Michael Gerald Tyson, conhecido como Mike Tyson, é um lutador de boxe, considerado por muitos como um dos maiores pugilistas de todos os tempos. Ele é o homem mais jovem a ganhar o título de campeão mundial de pesos-pesados, feito conquistado aos 20 anos de idade. Tyson reinou como campeão mundial de pesos-pesados de 1987 a 1990.

Em fevereiro de 1992, Tyson foi condenado por estupro da estudante universitária e Miss Black do estado de Rhode Island (EUA), Desiree Washington. Sentenciado a seis anos de prisão foi solto em março de 1995 depois de cumprir menos de três anos da sentença, mas ainda ficou por 4 anos em liberdade condicional. A corroboração parcial da vítima veio através do testemunho do motorista de Tyson, que confirmou o estado de choque de Desiree Washington após o incidente. Outro testemunho veio do médico da emergência que examinou Washington mais de 24 horas após o incidente e confirmou que a condição física de Washington era consistente com estupro.

Roman Polanski (diretor de cinema)

Rajmund Roman Liebling, conhecido como Roman Polanski, é um diretor, produtor, roteirista, e ator polones-frances. Roman já ganhou um Óscar como melhor diretor pelo filme O Pianista, e três filmes que dirigiu venceram o premio Globo de Ouro. Além destes prêmios ele já conquistou vários BAFTAs e Césars, além de outros diversos grandes prêmios do cinema.

Em março de 1977, Polanski foi preso na casa do ator Jack Nicholson. Samantha Geimer, então com 13 anos, acusou o diretor Roman Polanski de forçá-la a fazer sexo com ele. Geimer afirmou que o diretor a levou para a casa de Jack Nicholson, sob o pretexto de querer que ela seja modelo para uma sessão de fotos para a revista Vogue. Lá, Polanski forneceu seus quaaludes e mais tarde fotografou seu topless. Ambos estavam sozinhos na casa de Nicholson, então Polanski se aproveitou da situação levando-a para o quarto principal e depois estuprando-a. O próprio declarou-se culpado. A princípio, a prisão preventiva duraria três meses, entretanto, o cineasta só esteve preso por 47 dias, tendo sido liberado após pagamento de fiança. Em 1978, o juiz que presidia a causa, após uma reunião com os advogados de Polanski, deu a entender que iria ordenar nova prisão. Após tomar conhecimento da decisão, pegou um avião e fugiu para a França, onde sua nacionalidade francesa o impediu de ser extraditado para os Estados Unidos. Desde então encontra-se foragido da justiça norte-americana. Em setembro de 2009, ao chegar ao aeroporto de Zurique, foi preso, a pedido das autoridades americanas, pela polícia suíça. A Suíça, no entanto, recusou a extraditar o diretor, alegando falta de provas conclusivas. O caso, no entanto, mantém-se aberto, pelo que o diretor não pode entrar em território norte-americano. Em outubro de 2013, Samantha Geimer afirmou, durante a apresentação do seu livro de memórias, “The Girl: A Life in the Shadow of Roman Polanski” (“A menina: Uma vida na sombra de Roman Polanski”), em Paris, que há “muito tempo” perdoou o cineasta. Em dezembro de 2016, a Suprema Corte da Polônia rejeitou um pedido de extradição de Polanski.

R. Kelly (cantor de rap)

Robert Sylvester Kelly, mais conhecido como R. Kelly, é um cantor, compositor e produtor musical estadunidense. Ele é conhecido por diversas músicas no estilo Rap e R&B. Em 1998, Kelly venceu três Grammy Awards pela canção “I Believe I Can Fly”, que foi um enorme sucesso comercial. Kelly vendeu mais de 75 milhões de discos pelo mundo, fazendo dele o cantor de R&B contemporâneo mais vendaveis da década de 1990. Ele teve seis álbuns no topo das paradas entre 1995 e 2007. Ele teve sucesso não só na sua carreira solo mas também como produtor e compositor para outros artistas como Michael Jackson, Janet Jackson, Toni Braxton e Britney Spears.

Há duas décadas anos, R. Kelly enfrenta diversas acusações de assédio, abuso sexual e pornografia infantil. Em setembro de 2021, após um julgamento R. Kelly foi considerado culpado pela justiça por acusações de extorsão e tráfico sexual. Kelly por anos teve um esquema em que se aproveitava da fama e poder para abusar sexualmente de mulheres e menores de idade. Nove mulheres e dois homens, depuseram em um julgamento de seis semanas e descreveram a humilhação, violência e agressões sexuais que sofreram de Kelly, que acabou culpado em todas. Em maio de 2022 ele deve recerber a pena. Kelly também enfrenta um processo por pornografia infantil e tem um julgamento marcado para agosto de 2022. Além disso, deve enfrentar outras acusações de abuso sexual.

Bill Cosby (comediante)

William Henry Cosby Jr., conhecido como Bill Cosby, é um ex-ator e comediante estadunidense. Ao longo da década de 60, Cosby fez vários discos de standup comedy que consecutivamente lhe renderam o Grammy Award de melhor álbum de comédia de 1965 a 1970. Cosby também ganhou o Prêmio Emmy de Melhor Ator Principal em Série Dramática em 1966, tornando-se o primeiro afro-americano a ganhar um Prêmio Emmy por atuar. A partir da década de 1980, Cosby produziu e estrelou na sitcom The Cosby Show,que foi ao ar de 1984 a 1992 e foi classificada como o número um na América de 1985 a 1989. A sitcom destacou as experiências e o crescimento de uma rica família afro-americana.

Em 2014, Cosby foi acusado por várias mulheres por crimes de agressão, assédio sexual, estupro, abuso de menores e também por drogar pessoas (com intuito de abusar delas). As datas das acusações variam entre 1965 e 2018. Mais de 40 mulheres disseram, ter sido sedadas e violadas por Bill Cosby. Em julho de 2015, Cosby confessou que em 2005 sedou jovens com o intuito de estuprá-las, utilizando o metaqualona sedativa, uma droga muito usada em comprimidos para dormir nos na década de 1970. Após julgamento, baseado em incidentes em janeiro de 2004, Cosby foi considerado culpado em abril de 2018, de três acusações de agressão sexual grave, tendo que cumprir 10 anos de prisão. Embora Cosby tenha sido acusado de agressão sexual por dezenas de mulheres, apenas uma apresentou acusações criminais. Em 30 de junho de 2021, a Suprema Corte da Pensilvânia anulou a condenação de Cosby, citando violações de seus direitos processos. Em 30 de junho de 2021, a Suprema Corte da Pensilvânia anulou a condenação de Cosby, citando violações de seus direitos processos.

Kris Wu (cantor de k-pop e rap)

Wu Yi Fan, conhecido como Kris Wu, é um cantor e rapper chinês-canadense que ficou conhecido como integrante do grupo de K-Pop sino-sul-coreano EXO, um dos mais populares na Coreia do Sul e internacionalmente, antes de seguir carreira solo, em 2014. Kris também é ator e participou de vários filmes sucessos de bilheteria na China.

Em julho de 2021, uma estudante universitário chinês, chamada Du Meizhu postou alegações na Weibo, uma famosa rede social chinesa, acusando Wu de agredir sexualmente várias mulheres, algumas menores de idade, enquanto elas estão inconscientes e sob a influência de álcool. Meizhu afirmou que também foi vítima, sendo estuprada por Wu, sob intoxicação, em dezembro de 2020. Segundo a estudante, ele coagia as vítimas a fazer sexo com ele prometendo oportunidades lucrativas nas indústrias da música ou de atuação. Wu foi detido pela polícia em julho de 2021, e preso em agosto de 2021, sob suspeita de estupro. Os crimes sexuais relatados estão atualmente sob investigação por autoridades chinesas. Suas contas de mídia social – antes muito populares, incluindo sua página no Weibo com mais de 51 milhões de seguidores – foram retiradas do ar após depoimentos.

Jeffrey Epistein (investidor)

Jeffrey Edward Epstein foi um magnata e investidor estadunidense. Começou sua vida profissional lecionando, posteriormente entrando no setor bancário e financeiro e fundando sua própria empresa. Epstein desenvolveu um círculo social de elite, estando em contato com grandes empresários e fazendo amizade com celebridades.

Em março de 2005, uma mulher entrou em contato com o Departamento de Polícia de Palm Beach da Flórida e alegou que sua enteada de 14 anos havia sido levada para a mansão de Epstein por uma garota mais velha. Enquanto estava lá, ela supostamente recebeu US$ 300 para tirar a roupa e massagear Epstein. A polícia então começou uma investigação secreta de 13 meses sobre Epstein, incluindo uma busca em sua casa. Posteriormente, a polícia alegou que Epstein havia pago várias garotas para realizar atos sexuais com ele. Entrevistas com cinco supostas vítimas e 17 testemunhas sob juramento, uma transcrição do ensino médio e outros itens encontrados no lixo e na casa de Epstein supostamente mostraram que algumas das meninas envolvidas tinham menos de 18 anos, a mais nova tinha 14 anos, com muitas menores de 16 anos. A busca policialna casa de Epstein encontrou duas câmeras escondidase um grande número de fotos de garotas por toda a casa, algumas das quais a polícia havia entrevistado no curso de sua investigação. Um ex-funcionário disse à polícia que Epstein receberia massagens três vezes ao dia. Eventualmente, o FBI compilou relatórios sobre “34 menores confirmadas” cujas alegações de abuso sexual por Epstein incluíam detalhes corroborando. Em maio de 2006, a polícia de Palm Beach apresentou uma declaração de causa provável dizendo que Epstein deveria ser acusado de quatro acusações de sexo ilegal com menores e uma acusação de abuso sexual. Em julho de 2006, Epstein foi preso sob acusação de aliciamento de uma menor para prostituição e solicitação de uma prostituta. Ele foi preso e depois solto sob fiança de US$ 3 mil. O promotor estadual Krischer mais tarde convocou um grande júri. Apresentado evidências de apenas duas vítimas, o júri devolveu uma única acusação de solicitação de prostituição. Ele cumpriu quase 13 meses de prisão, mas com extensa liberação de trabalho. Ele foi condenado apenas por esses dois crimes como parte de um acordo de apelaçãocontroverso; as autoridades federais identificaram 36 meninas, algumas com apenas 14 anos, que Epstein supostamente abusou sexualmente. Epstein foi preso novamente em 6 de julho de 2019, sob acusação federal de tráfico sexual de menores na Flórida e Nova York. Ele morreu em sua cela em 10 de agosto de 2019. A série documental “Jeffrey Epstein: Poder e Perversão” investiga como o predador sexual usou dinheiro e poder para cometer seus crimes e como montou sua rede de aliciamento e prostituição de menores.

Ron Jeremy (ator e produtor de filmes pornográficos)

Ron Jeremy Hyatt é um ex-ator e produtor pornográfico estadunidense e comediante de stand-up. Jeremy é uma das estrelas pornôs masculinas mais famosas do mundo. Inclusive, foi classificado pela revista AVN, especializada em conteúdo pornográfico, em primeiro lugar em sua lista “50 estrelas porno de todos os tempos”.

Diversas mulheres acusaram publicamente Jeremy de agressão sexual. Várias das alegações referem-se a suas aparições em convenções de fãs, alegando que agarrava elas, passava a mão em seus corpos e inseria seus dedos nelas sem consentimento. Em junho de 2020, Jeremy foi acusado de quatro acusações de estupro e agressão sexual pela Promotoria do Condado de Los Angeles. Jeremy foi acusado de estuprar à força uma mulher de 25 anos, em maio de 2014. Ele também teria abusado sexualmente de duas mulheres, em ocasiões distintas em um bar de West Hollywood em 2017, e é acusado também de estuprar à força uma mulher de 30 anos no mesmo bar em julho de 2019. Em 31 de agosto de 2020, os promotores de Los Angeles apresentaram mais 20 acusações que incluíam acusações de estupro, agressão sexual, sodomia e penetração forçada por objeto estranho contra Jeremy. As acusações envolveram 12 mulheres diferentes, com idades entre 15 e 54 anos, em incidentes de 2004 a 2020. Em agosto de 2021, ele foi indiciado em um total de 30 acusações de abuso sexual envolvendo 21 mulheres. Jeremy está na prisão em Los Angeles aguardando julgamento por estas 30 acusações de agressão sexual que vem ocorrendo desde 1996, se condenado, ele pode pegar até 330 anos de prisão.


Veja abaixo uma lista de celebridades, subcelebridades e pessoas influentes condenadas por crimes sexuais:

  • Jeffrey Jones (ator)
  • Harvey Weinstein (produtor de filmes)
  • Paula Poundstone (comediante)
  • Gary Glitter (cantor)
  • Ian Watkins (cantor)
  • Stuart Hall (apresentador)
  • Mystikal (rapper)
  • Jared Fogle (garoto propaganda)
  • Victor Salva (cineasta)
  • Vincent Margera (coadjuvante em filmes)
  • Remy Gonzalez (participante de reality show culinário)

Veja abaixo uma lista de celebridades, subcelebridades e pessoas influentes acusadas por crimes sexuais:

  • Donald Trump (empresário e ex-presidente)
  • Marcius Melhem (humorista)
  • Fatty Arbuckle (ator)
  • Kevin Spacey (ator)
  • Danny Masterson (ator)
  • Jim Morrison (cantor)
  • Tommy Lee (musicista)
  • Bill O’Reilly (jornalista)
  • Charlie Rose (jornalista)
  • Mark Halperin (jornalista)
  • Tavis Smiley (jornalista)
  • Mario Batali (chef)
  • Russell Simmons (empresário)
  • Chuck Close (pintor)
  • Neil Degrasse Tyson (físico e divulgador científico)
  • Sri Prem Baba (líder religioso)

Há um crescente de celebridades sendo acusadas de crimes sexuais nos últimos anos, várias delas enfrentando processos, e podendo ser condenadas, o que mostra que celebridades também cometem crimes e não estão livres do abuso de poder e do machismo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.